Aécio defende Aloysio Nunes e ‘cautela’ com impeachment

20150629123053O senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirma que ainda é preciso cautela ao se falar num eventual pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Mas diz, porém, que com a delação premiada do dono da UTC, Ricardo Pessoa, e a possível rejeição das contas do governo pelo Tribunal de Contas da União (TCU), esse desfecho se torna cada vez mais próximo.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, Aécio voltou a defender o ex-candidato a vice em sua chapa, Aloysio Nunes (PSDB-SP), também citado por Pessoa. “Não se pode misturar um apoio legítimo, que um candidato recebeu, declarado na Justiça Eleitoral, com o assalto comandado pelo PT que foi feito na Petrobras”, afirmou.

O tucano também criticou as recentes declarações de Luiz Inácio Lula da Silva, nas quais o ex-presidente

Fez críticas a Dilma e ao PT. “Lula tenta agora se descolar do governo, como se pudesse haver uma criatura sem um criador. O nosso papel agora será mostrar que não haveria Dilma sem Lula e não haveria esse governo se não houvesse Lula e não houvesse Dilma.

Fonte: Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here

*

code

Please enter your comment!