CLDF aprova PL que inclui Cirurgia Metabólica como opção terapêutica para pacientes portadores de Diabetes Tipo II

De autoria do deputado distrital Hermeto (MDB), o projeto visa atender aos pacientes que não responderam ao tratamento convencional, dando a estas pessoas uma nova perspectiva de vida.

A diabetes do tipo II corresponde a 90% dos casos de diabetes e atinge cerca de 7% da população brasileira. Entre outras complicações a doença pode causar cegueira, AVC, insuficiência renal crônica e amputação dos membros.

A diabetes de tipo 2 é uma doença crônica, à qual corresponde uma diminuição da esperança média de vida em dez anos. Isto deve-se em parte a uma série de complicações graves associadas à doença. Trata-se de um problema grave de saúde pública, pois apresenta altíssimo custo ao erário além concorrer para a primeira causa de mortalidade no Brasil. A estimativa é que haja cerca de 15 milhões de pessoas que sofrem da doença no Brasil.

O deputado distrital Hermeto, autor do projeto, assistiu no dia 25 de junho, à primeira cirurgia do Diabetes Tipo II no Brasil, comandada pelo médico cirurgião Renato Teixeira no Hospital Regional do Distrito Federal (HRAN). O DF se iguala a grandes serviços e universidades internacionais com a criação desse serviço e no Brasil é pioneiro ao realizar a primeira cirurgia desse tipo, fora de forma experimental, no SUS.

Sintomas

Normalmente, as pessoas com diabetes tipo 2 não apresentam sintomas no início, podendo ter a doença assintomático por muito anos. Os primeiros sintomas de diabetes tipo 2 podem ser:

  • Infecções frequentes. Alguns exemplos são bexiga, rins, pele e infecções de pele
  • Feridas que demoram para cicatrizar
  • Alteração visual (visão embaçada)
  • Formigamento nos pés e furúnculos
  • Vontade de urinar diversas vezes
  • Fome frequente
  • Sede constante

Se estiver sentindo estes sintomas, procure um médico!

Por Larissa do Vale

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code