Coluna On´s e Off´s – 26 de julho

Por Sandro Gianelli

Resposta 1

Na Coluna de ontem (25), o presidente do Patriota-DF, Paulo Fernando, afirmou que o senador Cristovam Buarque (PPS) tem que dizer porque ele merece mais oito anos no Senado. “O senador tem que explicar o que foi que ele não conseguiu fazer nos últimos 16 anos que justifique sua permanência no senado por mais um mandato, por mais oito anos”.

Resposta 2

A assessoria de imprensa do senador Cristovam Buarque entrou em contato com a Coluna afirmando que Cristovam conseguiu aprovar 19 leis em 14 anos de mandato. E que nenhum senador do DF aprovou tantas leis quanto ele.

Resposta 3

Cristovam conta ainda com 96 propostas em tramitação no Congresso e se a população do DF decidir nas urnas que ele deve permanecer no Senado, vai trabalhar como sempre fez para que essas propostas virem lei. Cristovam ficou um ano licenciado do Senado para assumir o Ministério da Educação e Cultura. 

Fla x Flu de PM

A inauguração do novo restaurante da Caixa Beneficente da Policia Militar do Distrito Federal (CABE) foi marcada pela presença de vários pré-candidatos da PM. O restaurante parecia um espaço reservado para uma final de campeonato de futebol.

Torcida uniformizada

De um lado, todos uniformizados, estavam o grupo do Hermeto, do outro os apoiadores do Guarda Janio, além de pessoas ligadas ao Pato e ao Jabá. Os pré-candidatos não estão dando mole e ninguém quer perder um corpo a corpo com a corporação, que ficou sem representante na CLDF na última eleição.

Deu ruim

Com Fraga concorrendo na majoritária, a PM corre o risco de ficar sem um representante na Câmara Federal e com tantos pré-candidatos a deputado distrital, corre o risco de permanecer sem representante na CLDF.

Apoio popular

Há quem afirme que pelo menos 50 policiais serão candidatos em 2018. Com tantos postulantes a CLDF, e a alta taxa de divisão dos votos dos militares e familiares, ficará difícil voltar a ter um distrital. Neste cenário aumenta as chances daqueles policiais que possuem votos fora da corporação. 

Poucos candidatos…

O partido NOVO homologou 31 candidaturas a deputados distritais, 6 candidaturas a deputados federais, Paulo Roque ao Senado Federal, além de Alexandre Guerra é Erickson Blun para o Governo do Distrito Federal.

…grande desafio

Cada partido pode lançar até 48 candidatos a deputado distrital. O NOVO não conseguiu bater a cota máxima, nem de distrital e nem de federal. Caso os candidatos não tenham grandes votações, o partido poderá ficar prejudicado e não atingir uma votação suficiente para garantir uma cadeira na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Para a Câmara Federal o desafio é ainda maior.

Máfia

O presidente do Patriota, Paulo Fernando, afirmou que há uma verdadeira máfia no sistema prisional, que vai desde a alimentação dos presos até a gerência das lanchonetes dos presídios.

Falta vontade

“A padaria da Papuda não funciona porque o sistema elétrico não funciona. Lá existe uma fábrica de colchões que está parada por não haver projetos”. Paulo Fernando é pré-candidato a deputado federal e foi diretor da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (FUNAP/DF).

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Portal Conectado ao Poder, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code