Como fica a questão da falta de água em Brazlândia?

Esse questionamento foi levado à CAESB pelo deputado distrital Juarezão, que está em busca de uma solução para evitar o corte de água sem aviso prévio para a população de Brazlândia. “Não podemos deixar os moradores sem este tipo de informação, existe o racionamento e todos devem se preparar a falta deste bem tão precioso”, defendeu o deputado Juarezão.

Em nota técnica, a CAESB informou que a captação nos dois mananciais que abastecem a cidade está comprometida em razão do longo período de seca no Distrito Federal, do aumento do consumo e das retiradas excessivas de água, devido as altas temperaturas.

Tanto na região do Barrocão, quanto no Capão da Onça, simplesmente não tem água suficiente para fazer a captação. Para amenizar a situação, foi implantado o sistema de rodízio, que já vinha sendo adotado em outras regiões do Distrito federal. Em Brazlândia, o rodízio acontecerá em ciclos de três dias, e funcionará da seguinte forma:

· 1 dia de abastecimento interrompido

· 1 dia de estabilização

· 1 dia de abastecimento normalizado

Com a chegada das chuvas, essa situação deve melhorar. Enquanto isso fica o alerta para a necessidade de exercer um consumo consciente e adequado da água, de forma a manter e ajudar na melhoria do sistema como um todo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here

*

code

Please enter your comment!