Conselho de Transparência e Controle Social do DF tem novo presidente

Por Sandro Gianelli

Hélio Queiroz, conselheiro de Transparência e Controle Social do DF
Hélio Queiroz, conselheiro de Transparência e Controle Social do DF

Conselheiro

O empresário Hélio Queiroz foi eleito nesta quarta-feira (4) presidente do Conselho de Transparência e Controle Social do Distrito Federal (CTCS). O conselho integra a Controladoria-Geral do DF (CGDF) e tem natureza consultiva, deliberativa e de acompanhamento das políticas de transparência e de controle social em Brasília.

Experiência

Além de atuar em vários ramos empresariais, Hélio é diretor da Fecomércio-DF e presidente do Sindicato das Empresas de Produção de Imagens, Fotografias, Filmagens e Profissionais Autônomos do Distrito Federal (Sinfoc-DF).

Ademir Santana, presidente da Fecomércio-DF
Ademir Santana, presidente da Fecomércio-DF

Representatividade

O conselho é formado por 17 integrantes de diversas entidades representativas. Seu objetivo é propor, cobrar e acompanhar medidas que visem a promover uma maior transparência das políticas e, principalmente, da movimentação financeira do governo.

“Cumpro um papel institucional dentro do Conselho, representando a Federação do Comércio, e espero contribuir fiscalizando e apresentando propostas que ampliem a transparência dentro do governo do Distrito Federal”.

Hélio Queiroz, presidente do Conselho de Transparência e Controle Social do DF.

Na pista

A pré-candidata a deputada federal Raissa Rossiter (PSB) lançou sua candidatura na última quarta-feira (4) no restaurante Xique Xique. O lançamento contou com a divulgação da vaquinha digital e a apresentação do site de Raissa.

Desincompatibilização

Márcia de Alencar (PSB) deixa o cargo de assessoria no GDF para concorrer a uma vaga na Câmara Legislativa. Nos próximos dias ela se dedicará ao lançamento de um livro que retrata sua trajetória a frente da pasta de segurança pública do DF. Márcia foi a primeira mulher a ocupar o cargo no DF.

Luto

A Coluna presta seus pêsames aos familiares e amigos do jornalista André Duda, que sofreu um infarto na terça-feira (3). André era conhecido principalmente por sua alegria. Ele era um dos profissionais mais respeitados do DF, foi apresentador do DFTV, secretário de comunicação do GDF e coordenador de comunicação da Câmara Legislativa.

Quebra de braço

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara aprovou um projeto que impede os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de suspender lei por decisão individual. Os deputados querem acabar com as chamadas decisões monocráticas, que são tomadas individualmente por ministros do STF.

Mais Ministros

O pré-candidato à Presidência da República, deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ), afirmou que as decisões do Supremo “têm envergonhado o País nos últimos anos. Por isso, há necessidade de mudanças”. Ele ainda anunciou que deseja aumentar de 11 para 21, o número de ministros do STF.

Adin

O Partido dos Trabalhadores entrou com Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a Lei aprovada pela Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) que criou o Estatuto da Família. A ação do partido foi provocada pela presidente do PT do DF, deputada federal Erika Kokay.

Conectado ao Poder

O Programa Conectado ao Poder, de amanhã (16) entrevistará o pré-candidato a Deputado Federal Juraci Tesoura de Ouro (PTB) e o ex-deputado distrital Gilson Araújo (PTB). O Conectado ao Poder vai ao ar, todo sábado, das 6h às 8h, na rádio 104,1 Metrópoles FM. O programa mistura notícias, comentários, entrevistas e a participação do ouvinte pelo WhatsApp (61) 98220.1041.

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Portal Conectado ao Poder, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code