Contra roubo em ônibus, DF decide monitorar luz e mato em paradas

rollembergForam registrados 1.082 casos de roubos em coletivos até junho. Ações foram anunciadas por Rollemberg e integram Viva Brasília.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, anunciou nesta quarta-feira (29) uma série de medidas para evitar assaltos a passageiros de ônibus, incluindo o monitoramento da iluminação e de mato alto nas paradas de ônibus, além da determinação para que as empresas de transporte coletivo forneçam obrigatoriamente imagens internas dos veículos na ocorrência de crimes.

As estratégias fazem parte do programa Viva Brasília, que visa a reduzir a criminalidade do DF. De acordo com o governo, as administrações regionais deverão acompanhar os estados dos equipamentos públicos e avisar a CEB e a Novacap sobre os problemas.

Rollemberg afirmou que serão levantadas as paradas de ônibus com maior registro de assaltos. As regiões de Ceilândia, Samambaia, Santa Maria e Recanto das Emas tiveram o equivalente a 62% dos registros do crime neste ano.

“Neste momento, a prioridade é de buscar entender como acontecem roubos em coletivos para que possamos ter ações integradas das forças de segurança no DF, percebendo quais são as cidades onde os crimes são mais comuns e tendo acesso da polícia ao local”, declarou.

O programa Viva Brasília, antes chamado de Pacto Pela Vida, foi lançado na última terça-feira. O objetivo do governo é reduzir as taxas de homicídios e crimes contra o patrimônio, reforçar a prevenção de crimes e melhorar os serviços de repressão a violência oferecidos no DF.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, foram registradas 1.082 ocorrências de roubos em transporte coletivo na primeira metade do ano. O número é 14,7% menor em comparação ao mesmo período de 2014. Abril foi o mês com maior índice de ocorrências: foram 251 casos.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code