Deputados adiam derrubada de veto que impede contratação de concursados do Metrô-DF



deputados-adiam-derrubada-de-veto-que-impede-contratacao-de-concursados-do-metro-dfConcursados criticaram a ausência dos distritais e ameaçaram permanecer nas galerias da CLDF em retaliação à não derrubada do veto que impede a nomeação.

Mesmo com a pressão das galerias da CLDF (Câmara Legislativa do Distrito Federal ), os deputados distritais não votaram a derrubada do veto ao Projeto de Lei 2.035/2014, que prevê nas emendas a nomeação de servidores concursados do Metrô-DF. O motivo foi falta de quórum.

Apenas 11 parlamentares permaneceram em plenário quando a proposta foi levada à apreciação. Por sugestão do deputado Wellington Luiz (PMDB), a chamada foi nominal, para que os aprovados conferissem quem estava presente. “Eles precisam saber quem está aqui”, cobrou o líder do bloco Democrático Trabalhista Progressista.

Entre os parlamentares que se ausentaram no momento da votação, estavam Telma Rufino (PPL), Cristiano Araújo (PTB), Joe Vale (PDT), Júlio César (PRB), Lira (PHS), Luzia de Paula (PEN), Sandra Faraj (SD) e a presidente da CLDF, Celina Leão (PDT).

Os aprovados gritavam o nome dos distritais presentes e vaiavam quem não respondia à chamada da vice-presidente, Liliane Roriz (PRTB), que ocupava a cadeira de presidente no plenário em lugar de Celina.

No final, o grupo ameaçou permanecer nas galerias da CLDF em retaliação à não derrubada do veto que impede a nomeação dos concursados. São 608 aprovados no último concurso para os cargos de segurança e bilheteria do Metrô-DF. “Faz parte. Sabemos que isso ocorreria”, afirmou o presidente da Comissão de Aprovados do Metrô-DF, Tiago Adaldo.

Os aprovados no concurso deixaram a Câmara por volta das 19h, mas protestaram no Eixo Monumental. O grupo de aproximadamente 100 pessoas bloquearam duas faixas da via, dificultando o já estrangulado trânsito no sentido a Taguatinga.

Fonte: Fato Online

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code