Diretora de escola investigada por maus-tratos a alunos é afastada

foto_15072015110601Nessa terça-feira (14),  os proprietários do Colégio Ipê, em Águas Claras (DF), onde vídeos mostraram que três educadoras maltrataram crianças de 3 a 5 anos, afastaram a diretora da unidade. A instituição de ensino já tinha demitido as três educadoras por justa causa e já tinha afastado a coordenadora pedagógica.

O anúncio da demissões e afastamento só veio depois da comoção nas redes sociais e da pressão imposta pelos pais que viram seus filhos sendo maltratados nos vídeos. Eles chegaram a divulgar uma carta com mais de 500 assinaturas pedindo o afastamento não só das professoras, mas também da diretora pedagógica da escola e exigindo um diálogo aberto com os donos da instituição.

A assessoria de imprensa da escola informou que um diretor substituto já foi contratado e que as mudanças que estão sendo feitas na escola serão anunciadas em breve. A assessoria informou ainda que a escala está recebendo todos os pais interessados em informações.

As imagens e o áudio divulgados mostram as funcionárias aos gritos com meninos que aparentam ter entre três a quatro anos de idade e causaram revolta aos internautas. Nas imagens, as educadoras seguram com força e chacoalham os braços de uma criança, enquanto tentam colocar algo na boca dela. Para a autora das filmagens, as professoras falam que o menino “é o mais desobediente que já viram”. As pessoas que comentaram o vídeo disseram sentir pena da criança e condenaram a atitude das profissionais da escola.

Em outro vídeo compartilhado por redes sociais, é possível ouvir funcionárias impacientes com um menino que urinou nas calças. Elas dizem ao menino que ele está com “fedorzão de xixi” e, enquanto ele começa a chorar, as educadoras ameaçam tirar a roupa dele e forçá-lo a andar pelado pela sala de aula, caso ele urine novamente.

A 21ª Delegacia da Polícia Civil está investigando o caso.

Fonte: Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code