Distrito Federal vai ganhar 15 novas creches

Deputado Izalci com o Ministro da Educação, Mendonça Filho
Deputado Izalci com o Ministro da Educação, Mendonça Filho

O Distrito Federal ganhará 15 novas creches a partir do ano que vem com recursos provenientes do Ministério da Educação. A verba, de 40 milhões de reais, é de emendas individuais do deputado Izalci Lucas (PSDB-DF) ao Orçamento da União e do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Nove regiões administrativas serão beneficiadas e cada creche terá um custo médio de 3,8 milhões de reais.

Coordenador da bancada local no Congresso, Izalci conseguiu do Ministro da Educação, Mendonça Filho, a garantia de liberação desse montante, dependendo apenas da apresentação dos projetos por parte do Governo local.

As emendas de Izalci totalizam 22,5 milhões de reais e o valor do PAC girará em torno de 28 milhões de reais. “O Ministro da Educação foi sensível às nossas colocações de que Brasília tem um grande déficit de creches e que por isso destinei boa parte de minhas emendas para a construção de novas unidades”, destacou izalci.

Presidente da Comissão Mista que analisou a Medida Provisória de reforma do Ensino Médio, aprovada esta semana no Congresso, Izalci acabou estreitando ainda mais os laços com o ministro Mendonça Filho. “O ministro e eu temos consciência de que a educação começa pela infância, então, ao mesmo tempo em que trabalhamos pela reforma do ensino médio, estamos atentos à questão das creches, tão fundamentais especialmente para crianças de famílias mais necessitadas”, destacou o deputado, que é o presidente regional do PSDB no DF.

Nas discussões que o deputado teve com técnicos e secretários do GDF, ficou definido que serão três creches em Ceilândia, duas em Taguatinga, Santa Maria, Gama e Recanto das Emas; e uma em Planaltina, Samambaia, Guará e Vila Telebrasília. “Deixei claro nas reuniões no Ministério da Educação que todas as cidades do DF têm necessidade de creches públicas e no ano que vem vamos trabalhar para conseguir mais recursos para que outras cidades também sejam contempladas com novas unidades”, destacou Izalci.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code