Eliana Pedrosa amadureceu


eliana pedrosaNão passou despercebida a declaração da deputa distrital Eliana Pedrosa (PSD) à repórter Camila Costa, do “Jornal de Brasília” na edição de sexta-feira, 1º. A reportagem discorre sobre a falta de rumo do PSD no Distrito Federal, tese que o presidente regional da legenda, Rogério Rosso, discorda: “A relação com o governador Agnelo Queiroz continua sem dificuldades e que 2013 será o ano de avaliar se será melhor para o partido manter-se independente, juntar-se à base aliada a Agnelo ou atuar, definitivamente, como oposição. Qualquer posição do PSD nacional vai ser respeitada e acolhida pelo PSD do DF”, explicou Rosso à repórter.

É sabido por todos os agentes políticos do DF que Eliana trava uma queda de braço para ser indicada pré-candidata na disputa de 2014 à cadeira de Agnelo. No entanto, divergindo dos colegas Liliane Roriz, Washington Mesquita e Celina Leão, Eliana disse o seguinte: “A discussão que existe hoje é do PSD compor a base da presidenta Dilma Rousseff e, se assim for decidido, a gente acata”. Para quem estava seguindo o bater de bumbo das colegas Liliane e Celina, o cenário mudou. “Você pode ser do governo Dilma sem apoiar Agnelo Queiroz. Temos uma realidade local e uma nacional.”

Com esta fala, Eliana passou a construir um plano B, ou seja. Se o PSD – como tudo indica – embarcar no governo Dilma, deve sobrar uma fatia do governo federal para o partido no DF. Este é um bom caminho se construir uma candidatura a deputado federal. Eliana aprendeu rápido sobre o jogo político.

Fonte: Jornal Opção

COMPARTILHAR
Artigo anteriorIntervenção de Agnelo no transporte rima com reeleição
Próximo artigoEm abril, Campos falará de candidatura na TV
Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; editor do Portal Conectado ao Poder; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 6h às 8h, na Rádio 104,1 Metrópoles FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code