GDF instala quebra-molas na Rua 10 de Vicente Pires

Quando a atual gestão assumiu a Secretaria de Obras a realidade de moradores e comerciantes de Vicente Pires era uma só: lama no período chuvoso e poeira durante a seca. A Rua 10, uma das vias mais importantes da cidade, era praticamente intransitável. Os carros precisavam subir no meio fio para conseguir passar de um lado para o outro. Hoje a realidade é outra. A via conta com 12,5 metros de largura, espaço suficiente para a circulação dos veículos.

Com tanto espaço, o problema agora é outro: o excesso de velocidade. Para garantir a segurança dos usuários e coibir os “apressadinhos”, foram instalados quebra-molas ao longo da via, todos devidamente sinalizados e de acordo com as normas de trânsito vigentes.

A Rua 10 sempre foi um problema para a população de Vicente Pires. Com muito trabalho, empenho e dedicação, conseguimos asfaltar a via. Agora nossa preocupação está voltada para a segurança dos usuários. Estamos concluindo a sinalização horizontal e vertical e instalando lombadas para reduzir a velocidade dos carros”, explica o secretário de obras, Izidio Santos Junior.

Para Maria Aparecida de Sousa, comerciante e moradora há 20 anos do Setor Habitacional, a via já está mais segura. “O pessoal descia muito rápido aqui perto da minha casa. Com a implantação do quebra-mola, os veículos, obviamente, são obrigados a diminuir a velocidade e o risco de acidente diminui muito. Acho que, para ficar 100%, o governo deveria implantar faixas de pedestre ao longo da via também”, sugere.

O médico veterinário Luiz Gustavo Vieira é dono de uma clínica situada na Rua 10. Ele conta que antes da implantação das lombadas os carros desciam a via a toda velocidade. “Apesar desses transtornos que temos enfrentado nos últimos anos com as obras, nós, moradores e comerciantes da Rua 10, estamos satisfeitos com os resultados. A via ficou bem larga e os quebra-molas deram uma melhorada boa porque os carros estavam trafegando com muita velocidade”, comemora.

O diretor de urbanização da Novacap, Luciano de Carvalho, destaca que o GDF está trabalhando para garantir que toda a estrutura da via esteja finalizada antes do próximo período chuvoso. “Estamos concluindo a instalação dos meios-fios. Na sequência, vamos executar todo o calçamento ao longo da via.

A meta do GDF é entregar as principais vias da cidade asfaltadas, com meio-fio e calçadas antes das próximas chuvas. Sabemos que ainda há muito que ser feito, mas temos certeza de que os problema tradicionalmente enfrentados por comerciantes e moradores na época de chuva serão reduzidos”, diz.

Com 4,8 km de extensão, a rua 10 teve um investimento de aproximadamente R$13,5 milhões.

Fonte: Agência Brasíia

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGestão compartilhada com a segurança é aprovada por maioria nas escolas
Próximo artigoPSDB se afasta de Bolsonaro
Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; editor do Portal Conectado ao Poder; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 6h às 8h, na Rádio 104,1 Metrópoles FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code