Janot denuncia Temer e mais oito por organização criminosa

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou o presidente da República, Michel Temer, por o
rganização criminosa, nesta quinta-feira (14/9). Além dele, são acusados também Eduardo Cunha, Henrique Alves, Geddel Vieira Lima, Rodrigo Loures, Eliseu Padilha e Moreira Franco. Segundo a denúncia, eles praticaram ações ilícitas em troca de propina por meio da utilização de diversos órgãos públicos, como Petrobras, Furnas, Caixa Econômica, Ministério da Integração Nacional e Câmara dos Deputados.

Já no começo da peça, Janot afirma que o grupo peemedebista na Câmara “com vontade livre e consciente, de forma estável, profissionalizada, preordenada, com estrutura definida e com repartição de tarefas, agregaram-se ao núcleo político de organização criminosa para cometimento de uma miríade de delitos, em especial contra a Administração Pública, inclusive a Câmara dos Deputados”.
Michel Temer é acusado de ter atuado como líder da organização criminosa desde maio de 2016. Esta é a segunda denúncia contra o chefe do Executivo. A primeira foi arquivada por determinação da Câmara dos Deputados e só poderá ser analisada após o fim do mandato presidencial.
Fonte: CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code