Joe Valle deixará secretaria do GDF para voltar à Câmara Legislativa

22511335781_bcf3060b35_k-840x577Secretário diz que a missão de organizar a pasta “está cumprida” e por essa razão retornará à CLDF após o recesso parlamentar. Suplente Roosevelt Vilela (PSB) deixará o cargo.

O secretário de Trabalho, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (Sedestmidh), Joe Valle (PDT), vai deixar o governo de Rodrigo Rollemberg (PSB) e retornar à Câmara Legislativa em agosto, quando a Casa retoma os trabalhos após o recesso. A volta do pedetista poderia ter ocorrido já no último dia 26 de junho, para a votação do Uber, mas um acordo com o seu suplente, Roosevelt Vilela (PSB), adiou a volta para o próximo mês.

O distrital licenciado foi chamado por Rollemberg para “organizar” a supersecretaria, em outubro do ano passado, e apresentou, nesta terça-feira (5/7), o relatório dos seis meses de sua gestão no Executivo. “Sairei em agosto, pois o meu trabalho está feito. Hoje, entregamos a revista com todas as nossas conquistas à frente da secretaria. Tive uma conversa com o governador e disse a ele que volto à Câmara e à Fundação da Agricultura, da qual fui eleito presidente. Pretendo ainda formar a Frente Parlamentar da Agricultura, que é tão importante para a cidade, e voltar às minhas origens”, disse Joe ao Metrópoles.

A pasta continuará nas mãos do PDT, que decidirá, por meio de sua executiva, quem assumirá o lugar de Joe na super-secretaria. Entre os nomes cotados, estão o do presidente regional do partido no DF, Georges Michel, o secretário adjunto do Trabalho, Thiago Jarjour, o ex-distrital Peniel Pacheco e o ex-administador regional do Jardim Botânico, Fábio Barcellos.

Joe Valle contou que ainda não conversou em definitivo com seu suplente, mas elogiou o período que Roosevelt passou na vaga. “Eu voltaria no último dia 26, mas o Roosevelt ficou chateado, então eu disse que não voltaria agora e deixaria para voltarmos a conversar com ele a partir de 1º de agosto. Nós ainda não conversamos, por isso ainda vou procurá-lo”, contou Joe.

Antes mesmo de sair, o ainda secretário disse que um dos maiores problemas do GDF é a burocracia. “Temos muitas conquistas, mas poderiam ser muitas outras se não fosse a burocracia.”

Fonte: Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code