Luzia de Paula quer aprovar projeto que cria a Creche do Idoso no DF

Por Sandro Gianelli

Creche do idoso

A deputada distrital Luzia de Paula (PSB) apresentou um projeto de lei para que o GDF crie os Centros-Dia do Idoso. O PL nº 180/2015, garantirá a criação de uma espécie de creche para os idosos nas regiões administrativas do Distrito Federal. A parlamentar argumenta que outros estados possuem creches voltadas para os idosos.


Mais endividados

O endividamento cresceu no DF, atingindo 78% das famílias brasilienses, é o que revela a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada pela Fecomércio-DF, o número de famílias endividadas no DF passou de 737.652 em julho para 753.737 em agosto.

Comparação

Apesar do aumento de julho de 2018, que era de 76,4% e em agosto chegou a 78%, houve queda na comparação anual. Em agosto de 2017 o percentual de endividados era de 78,9%. O estudo mostra que o cartão de crédito é o principal causador do endividamento dos brasilienses, apontado por 89,3% dos entrevistados como maior dívida.


Saúde pública

O deputado distrital Delmasso (PRB), comemorou a aprovação da Lei 6.219/2018, que disponibiliza a divulgação de dados e indicadores básicos de saúde no DF. A lei garantirá que a população tenha acesso às informações com indicadores demográficos, socioeconômicos, mortalidade, morbidade, fatores de risco e de proteção, recursos e cobertura do sistema público de saúde.

Transparência

Os dados e indicadores serão apresentados por hospitais e unidades de saúde e estarão disponíveis no site do GDF: www.transparencia.df.gov.br. A prestação de contas da saúde pública será encaminhada pelo Governador à Câmara Legislativa para controle externo, que será exercido com auxílio do Tribunal de Contas do DF.

Melhorar a gestão da saúde

Para Delmasso, a busca por medidas capazes de orientar as decisões na hora de comprar medicamentos, maquinário, contratação de mão de obra qualificada e construção de novas unidades de saúde são essenciais para o sucesso no processo de gestão.


Não é greve

Não estamos passando por uma nova greve nacional dos caminhoneiros. É apenas mais um aumento no preço da gasolina, que em alguns postos do DF já chega a R$ 5,01. A alta do combustível trás revolta para os motoristas. De uma semana para outra, o valor médio do litro no DF, aumentou cerca de 25 centavos.

* A Coluna é escrita por Sandro Gianelli e publicada de segunda a sexta no Portal Conectado ao Poder, no Jornal Alô Brasília e no Portal Alô Brasília.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code