Megaoperação contra a pedofilia prende mais de 80 pessoas em todo o país

Deflagrada na manhã desta sexta-feira (20/10), a Megaoperação ‘Luz da Infância’, que combate a pedofilia no Brasil, tem 31 mandados de busca e apreensão e acontece em oito regiões do Distrito Federal e em mais vinte e quatro estados. A ação tem o objetivo de apurar compartilhamentos e armazenamentos de materiais contendo cenas de sexo explícito e pornografia de crianças e adolescentes e envolve 1,1 mil policiais. A operação é considerada uma das maiores ações do mundo em combate à pedofilia. Até o momento, 82 pessoas já foram presas.
No DF, a polícia cumpre nove mandados de busca e apreensão e condução coercitiva e, até às 9h30, cinco pessoas haviam sido presas em flagrante, em Taguatinga, Recanto das Emas, Águas Claras e Guará. Os criminosos portavam computadores e tablets que continham material pornográfico infantil. Nas ações na capital, foram mobilizados 95 policiais, entre delegados, peritos, agentes e escrivães de polícia.
A ação ocorre também em Planaltina, Sobradinho, São Sebastião e Asa Sul. Os suspeitos foram localizados por meio de um levantamento de dados feito pela Secretaria Nacional de Segurança Pública e pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil. As investigações tiveram início no mês de abril deste ano.
Até o momento, além do DF, foram presas uma no Espírito Santo, oito em Goiás, duas no Maranhão, oito em Minas Gerais, duas no Pará, duas na Paraíba, duas em Pernambuco, seis no Pará, duas no Rio de Janeiro, uma no Rio Grande do Norte, duas em Rondônia, oito no Rio Grande do Sul, três em Santa Catarina, três em Sergipe, 25 em São Paulo e duas em Tocantins.
Pedófilos normalmente são pessoas adultas que têm preferência sexual por crianças pré-púberes ou no início da puberdade. O complexo ambiente da internet e a ausência de fronteiras no mundo virtual, são elementos que propiciam terreno fértil à atuação desses criminosos.
Estão envolvidos na operação o Ministério da Justiça e Segurança Pública, Embaixada dos Estados Unidos da América no Brasil, Adidância da Polícia de Imigração e Alfândega em Brasília (US Immigration and Customs Enforcement-ICE), agências de inteligência das secretarias de segurança e das polícias civis dos 24 estados brasileiros e do DF, delegacias especializadas de repressão aos crimes contra crianças e adolescentes e delegacias de repressão aos crimes cibernéticos.

‘Luz na Infância’

A operação foi intitulada Luz na Infância por serem bárbaros e nefastos os crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes. Segundo o Ministério da Justiça, a internet facilita esse tipo de conduta criminosa e, via de regra, os criminosos agem nas sombras e guetos da rede mundial de computadores.
Luz na Infância significa propiciar às crianças e adolescentes vítimas de abuso e violência sexual, o resgate da dignidade, bem como, tirar esses criminosos da escuridão, para que sejam julgados à luz da Justiça.
Fonte: CB

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here

*

code

Please enter your comment!