Obama diz que os EUA precisam agir contra violência



barack-obama-2-Jonathan-Ernst-reuters640Em uma coletiva de imprensa feita na Casa Branca, em Washington, nesta quinta-feira, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, alertou que o país precisa agir contra a violência com armas. O líder fez a declaração, após um ataque em uma igreja afro-americana de Charleston, no estado da Carolina do Norte, que deixou nove mortos na noite de quarta-feira. Na coletiva, Obama ainda condenou os assassinatos na igreja.

O autor do ataque, um homem branco de 21 anos, foi preso nesta quinta-feira, informaram autoridades dos Estados Unidos, que estão investigando os ataques como crime de ódio.

De acordo com a polícia local, o homem invadiu a igreja, quando acontecia um culto religioso, e atirou contra a comunidade negra.

Forças de segurança identificaram o suspeito como Dylann Roof, cujo ataque na quarta-feira aconteceu em um ano marcado por vários protestos raciais nos Estados Unidos, após a morte de muitos homens negros.

Roof foi preso após ser parado no trânsito em Shelby, na Carolina do Norte, cerca de 354 quilômetros ao norte de Charleston, de acordo com o chefe de polícia, Gregory Mullen. “Este indivíduo cometeu um crime trágico, hediondo, na noite passada”, disse Mullen a repórteres.

Um homem que se identificou como tio de Roof disse que ele recentemente ganhou uma pistola calibre 45 de presente de aniversário de 21 anos do pai.

Entre as vítimas de Roof – seis mulheres e três homens – estão o reverendo Clementa Pinckney, que era pastor da igreja e membro democrata do Legislativo estadual, de acordo com colegas.

Fonte: Jornal Metro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code