Planaltina de Goiás: Secretário do Entorno busca solução para o transporte público

anttNo fim da tarde desta quinta-feira (06/02) o secretário de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Distrito Federal, Eurípedes Júnior, reuniu-se com o Diretor Geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Jorge Bastos, para solicitar uma solução nos problemas do transporte público em Planaltina de Goiás. Estiveram também na reunião os deputados federais Givaldo Carimbão (PROS/AL), Márcio Junqueira (PROS/RR), além dos vereadores de Planaltina de Goiás.

A reunião foi motivada pelo fim da circulação dos ônibus da empresa UTB na cidade. O prazo para a UTB operar em Planaltina foi encerrado no último dia 05 de fevereiro. A ANTT justificou o fato afirmando que houve o término do prazo emergencial para a UTB circular. O prazo é de 180 dias (seis meses).

O diretor Jorge Bastos afirmou que a ANTT trabalha de forma legal, e que o órgão não pode realizar um novo processo emergencial sem que seja provado que a empresa Rápido Planaltina não consegue atender aos moradores da cidade. “A empresa Rápido Planaltina nos provou que adquiriu 50 ônibus novos, então não temos como realizar um processo de emergência para outra empresa circular”, disse Bastos.

Os vereadores de Planaltina de Goiás expuseram as dificuldades dos moradores em se deslocar e afirmaram que com a retirada dos ônibus da UTB a população ficou prejudicada, uma vez que as empresa Rápido Planaltina não atende a real necessidade da cidade.

Diante do quadro, o secretário do Entorno, Eurípedes Júnior, ficou responsável em formar uma comissão com os vereadores de Planaltina para que junto com a fiscalização da ANTT, possam justificar um novo chamamento emergencial. “Assinamos uma ata onde a ANTT se comprometeu a realizar um novo chamado de urgência assim que detectado que a outra empresa não está atendendo adequadamente a população”, destacou o secretário.

Ao fim da reunião, a ANTT informou que em abril sairá o edital para que novas empresas de transporte público possam circular em Planaltina.

Fonte: Assessoria de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here

*

code

Please enter your comment!