Sobre

Conheça a história do Programa Conectado ao Poder

O Programa Conectado ao Poder estreou no dia 16 de abril de 2014 durante o período de pré-campanha das eleições daquele ano. O primeiro programa foi ao ar em áudio e vídeo pelas ondas da Rádio Federal (radiofederal.com.br). Quem comandava os microfones era o Consultor em Marketing Político Sandro Gianelli com os comentários do comunicador Idovan Araújo. Foram bons tempos, com excelentes programas que duraram longos 11 meses.

No dia 30 de março de 2015 o Conectado ao Poder começou a jogar em outro campo. Passamos para a Rádio OK FM Brasília, em 104,1 FM. O desafio era maior, antes o que era um programa de rádio web semanal, passava a ser um programa diário (segunda a sexta-feira) numa das maiores rádios do Distrito Federal.

De lá para cá o programa se consolidou na programação da 104,1 FM, passou para as tardes de sábado (das 12h às 14h) e agora agita as manhãs de sábado (das 6h às 8h). A fórmula que encontramos foi misturar humor, música, informação, entrevistas e comentários. Para isto tivemos a ajuda de grandes comunicadores como Toninho Pop e Solano Reis.

Hoje a 104,1 FM passou a fazer parte de um grupo de comunicação que une o Portal Metrópoles e a Rádio 104,1 Metrópoles FM. Desde 2015, o programa passou a contar com o cientista político Rodrigo Mercúccio.

Tivemos a ajuda de muita gente profissional como Edson Rabelo (hoje Supra FM), Oswaldão (hoje Atividade FM), Zinhão (ex-Jovem Pan), Rodriguinho (ex-JK FM), Nathy Santiago (Metrópoles FM) e Bruno Bob (Metrópoles FM).

Para você ter uma ideia, durante este período tivemos mais de 400 programas com mais de 1500 entrevistas. Passaram pelo Conectado ao Poder políticos do DF, Entorno e com inserção nacional. Entrevistamos Governador, Vice-Governador, Senador, Deputado Federal, Deputado Distrital, Deputado Estadual, Prefeito, Vice-Prefeito, Vereador, Secretário de Estado, Secretário Municipal, Administrador Regional, Cientista Político, Jornalista, Consultor Político, Coach, Ator e Cantor, entre outros.

Atualmente o comando do Conectado ao Poder continua com Sandro Gianelli, os comentários são de Rodrigo Mercúccio e Bruno Bob, as entrevistas são sempre divertidíssimas. Falamos de política sim, mas de um jeito que não desagrega. Sabe porque? Porque damos voz ao ouvinte que sempre fica Conectado ao Poder.