A reinvenção do profissional de nutrição

Da redação

Com a pandemia, muitos especialistas precisam adotar novas rotinas de atendimento

Com a instalação da pandemia do novo coronavírus, os atendimentos de forma presencial precisaram ser modificados. Um desses exemplos são os nutricionistas. Esses profissionais geralmente precisam do toque, do contato e da proximidade com o paciente para fazer as prescrições.

No caso de Milton Júnior, nutricionista funcional, o melhor é presencialmente, “mas no pico, foi preciso manter o distanciamento e dar um suporte diferenciado. Por exemplo, o atendimento 24 horas”.

Para Ana Paula Domingues, nutricionista esportiva, a saída foi: consultas por aplicativos, chats e pessoalmente, mas seguindo todos os protocolos.

Ambos concordam que o profissional de nutrição teve de se reinventar “É preciso tocar, pesar, tirar as medidas para fazer as comparações. É difícil abrir mão dessa consulta presencial para não desmotivar o paciente”, acredita Ana Paula.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui