Rebelião de Filippelli no MDB mira vaga na Câmara dos Deputados

Ex-vice-governador faz pressão para que Ibaneis convide a deputada Celina Leão para o secretariado e abra uma vaga para ele na Câmara

A política é a arte do diálogo e de trocar negociações. O limite entre o que o governante pode oferecer para conquistar apoio, o legítimo e o espúrio é muito tênue. Nas últimas semanas se observa no meio político uma pressão do ex-vice-governador Tadeu Filippelli (MDB) ao governador Ibaneis Rocha (MDB), para seu retorno à Câmara dos Deputados.

O velho cacique do MDB, que já teve muita força no passado, tenta reconquistar o espaço perdido. E deixar de ser suplente seria o primeiro passo. Para isso precisa tirar Celina Leão da Câmara dos Deputados.

Filippelli quer que Ibaneis convide Celina para assumir uma secretaria do GDF. A questão é que a deputada não quer. Ela tomou gosto pelo Congresso Nacional, onde vem conquistando espaços.

Neste sábado, a Coluna do Gianelli, do Portal Conectado ao Poder, traz a informação de que Filippelli soltou uma nota oficial expondo que internamente as coisas precisam ser melhor conversadas no MDB.

O imbróglio começou quando presidente da Câmara Legislativa, deputado Rafael Prudente, disse no domingo (29), no programa Conectado ao Poder, da rádio Metrópoles, que o MDB estaria focado na reeleição do governador Ibaneis.

O jornalista Sandro Gianelli, em sua coluna, relata que Filippelli afirmou que Rafael falou por si e não pelo MDB. A nota expõe os bastidores do partido que hoje tem o governador do DF e o presidente da CLDF. “Lembrando que Filippelli destronou Roriz da legenda, será que ele quer repetir a dose?”, diz a Coluna do Gianelli.

Em 2020, Celina assumiu a Secretaria de Esportes, abrindo vaga para Filippelli na Câmara Federal. Mas, tempos depois, retomou o seu mandato.

Leia mais na Coluna do Gianelli

Fonte: Portal do Calado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui