SOF Sul, Polo JK e Biotic são os próximos focos do desenvolvimento econômico no DF

Da redação

GDF programa investimentos com o objetivo de fortalecer o setor produtivo nessas áreas

O Governo do Distrito Federal está com parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para o progresso de áreas comerciais do DF. Entre as regiões está o Setor de Oficinas Sul (SOF Sul), que fica após o Guará no sentido Cruzeiro. O local abriga várias oficinas mecânicas, mas tem estrutura antiga e precária.

“É uma região rodeada de grandes shoppings e prédios residenciais de alto padrão. O comerciante local precisa de infraestrutura para poder expandir”, aponta o secretário de Desenvolvimento Econômico do DF, José Eduardo Filho. Em parceria com a Secretaria de Obras e a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), ele destaca que o GDF vai melhorar o asfalto, a iluminação e o aspecto geral do perímetro.

O trabalho está dentro do Pró-Cidades, programa do governo local voltado para a ressignificação dos espaços econômicos do DF.

No cronograma de benfeitorias está o Polo JK, em Santa Maria, que há 20 anos não recebia significativas melhorias. Está em fase final a instalação da subestação de energia. “Quem não recebe energia de baixa qualidade, precisa de gerador. Pense você, uma instituição gigante, precisando de todo potencial possível, dependendo de energia ruim há duas décadas”, lamenta José Eduardo.

Por fim, o Biotic, na Granja do Torto, é outro foco do GDF. “O DF tem grande potencial e grande vocação tecnológicos. Esse empreendimento vai nos colocar em outro patamar de desenvolvimento”, resume o secretário. De acordo com ele, o governo tem feito um papel de intermediar a instalação das empresas com os órgãos públicos. “Se o empresário precisa de capital, chamamos o BRB para a roda. Se ele precisa de mais terreno para atuação, chamamos a Terracap para a conversa, e por aí vai”, explica.

Outras Áreas de Desenvolvimento Econômico (ADE), como aquelas situadas em Ceilândia e no Gama também estão no planejamento do GDF e, de acordo com José Eduardo Filho, vão receber intervenções a contento. Estão previstas ações como melhoria do calçamento, distribuição de água e energia, entre outras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui