Erros cometidos pelas assessorias de comunicação governamental



Assessoria-de-ImprensaA comunicação erra quando age por reação, ou seja, reage depois dos acontecimentos e não em antecipação a eles.

Os governos, parlamentares e partidos precisam adotar um modelo de comunicação integrada, onde todos falem uma só voz. Deve ter um canal único ou, se tiver vários, todos precisam estar de acordo com o que for determinado por um núcleo central e só após esta decisão, passam a comunicar para o publico externo.

Quando existe a falta de preocupação com a comunicação, os assessores e membros do governo ficam desprevenidos e dizem coisas que não devem. Quando a comunicação governamental e a imagem são tratadas com profissionalismo os resultados aparecem.

É essencial que os políticos mudem as suas técnicas de comunicação, criando um eixo de comunicação positiva. O objetivo é mostrar para a população que todas as medidas adotadas têm como finalidade contribuir para a melhoria da comunidade.

Por Sandro Gianelli

COMPARTILHAR
Artigo anteriorRetomando espaço
Próximo artigoPitiman sem censura
Consultor em Marketing Político; especialista em pesquisa de opinião pública; editor do Portal Conectado ao Poder; escreve a coluna On´s e Off´s, de segunda a sexta, no Jornal Alô Brasília; apresenta o programa Conectado ao Poder, aos sábados, das 6h às 8h, na Rádio 104,1 Metrópoles FM. É presidente da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*

code