Max Holloway rebate críticos e abre o jogo sobre descrédito ao aceitar luta contra Justin Gaethje


M. Holloway é ex-campeão dos penas do UFC. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

Lenda no peso pena (até 65,7kg.) do Ultimate, Max Holloway fez desabafo sincero e rebateu críticos nas vésperas de sua luta no UFC 300. Em seu canal no YouTube, o havaiano abriu o jogo ao indicar que se sente subestimado para o embate contra Justin Gaethje. Para a disputa do cinturão ‘BMF’, o atleta deixou momentaneamente sua categoria e se apresentará entre os leves (até 70,3kg.).

“Estou cansado das pessoas me dizendo o que fazer, ou como fazer. Me impondo limites. Só pelo fato de você se colocar limite, não o faça com os outros. O limite é o céu e estou buscando as estrelas. Outro universo. Vocês não se comparam a mim”, disse Holloway.

Em 13 de abril, Holloway fará seu primeiro desafio no peso leve desde a derrota contra Dustin Poirier em 2019. Na ocasião, os atletas se enfrentaram em luta pelo cinturão interino da categoria.

No UFC 300, Max terá a oportunidade de somar mais um cinturão em seu cartel. Caso bata Justin Gaethje, o havaiano se tornará o portador do título ‘BMF’, que elege o atleta ‘mais casca-grossa’ da organização.

Chimaev enfrenta ex-campeão do UFC + duro desabafo de Charles do Bronx sobre UFC 300





Fonte: Super Lutas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui