Da redação

Queda na arrecadação e problemas no Fundo de Participação seriam as causas

Com o advento da pandemia do novo coronavírus, os municípios brasileiros podem ser economicamente atingidos, seja por queda na arrecadação, seja por redução no repasse do Fundo de Participação.

Essa é uma das preocupações de Douglas Martinho (PL-GO). Vereador por dois mandatos em Cidade Ocidental (GO), ele é pré-candidato à prefeitura da região. “Acredito que vários municípios vão pedir falência a partir de janeiro. Vai ser um desafio para os prefeitos que vão começar a tomar posse”, analisa o político.

“Se as pessoas não tiverem como se alimentar, como vamos cobrar impostos, como o IPTU”, destaca Martinho.

De acordo com ele, uma das saídas, no caso de Cidade ocidental, é fortalecer as parcerias com o Governo do Distrito Federal, o governo estadual goiano e as prefeituras vizinhas.

Para a região, uma das teclas que ele vem batendo é na produção de água. A visão do pré-candidato é que o município é um grande produtor de água, e essa vai ser uma das saídas econômicas para fortalecer Cidade Ocidental.

Para Sandro Gianelli, “vários municípios do entorno estão tão endividados, que se parassem de contrair dividas e começassem a quitar sua dívidas a partir de agora, ainda levariam anos para concluir esses débitos”, finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.