Sebrae Pelo Brasil no DF ressalta a empregabilidade gerada pelos pequenos negócios

- Publicidade -

Só no Distrito Federal, 65% dos empregos gerados em 2023 vieram nas micro e pequenas empresas

Na manhã de terça-feira (2), o presidente do Sebrae, Décio Lima, visitou a região administrativa de Santa Maria, no Distrito Federal, o Pavilhão de Exposição do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek e um encontro com os funcionários do Sebrae no DF. A agenda contou com a participação da superintendente do Sebrae no DF, Rose Rainha; pelas diretoras Técnica e de Administração e Finanças da instituição, Diná Ferraz e Adélia Bonfim; e por representantes do Governo do Distrito Federal (GDF).

Na agenda do Sebrae Pelo Brasil no DF, 16ª unidade da federação a receber o projeto, o presidente do Sebrae destacou a importância do trabalho realizado pela instituição na construção da geração de emprego e renda.

- Publicidade -

“Os resultados mostram a mudança que o país está passando. Hoje, o país preside o Mercosul, o G20 e o Brics. Nosso país saiu do 11º lugar para o 9º economia do mundo. De quase 475 novas vagas nos dois primeiros meses do ano, 60% dos empregos vieram dos pequenos negócios”, destacou.

Na geração de empregos, a indústria de transformação ficou no terceiro lugar, como setor na geração de empregos. “Isso mostra que estamos conseguindo agregar valor para as nossas riquezas através da indústria”, lembrou Décio Lima.

Ideias de Negócios

Décio iniciou a agenda no DF pelo Centro de Educação Profissional Escola Técnica de Santa Maria (CEPET-SM), onde 60 estudantes são beneficiados pelo Núcleo de Empreendedorismo Juvenil (NEJ), resultado de uma parceria firmada entre o Sebrae no Distrito Federal e a Secretaria de Estado de Educação da capital.

Os alunos demonstraram a operação do projeto Vitrine, que permite que os estudantes possam aprender a desenvolver plano de negócios adaptado às demandas do mercado, levando em consideração o contexto social, econômico e cultural local.

Na ocasião, o presidente Décio Lima pode conhecer as ideias de negócios, que vão de Hotel para cachorros a Casa de Chá. “As ideias apresentadas pelos alunos são essenciais na construção de um mundo mais justo e com inclusão. A inovação e a sustentabilidade estão no conceito de todas as propostas em desenvolvimento. Os conceitos e produções podem ser amadurecidos e certamente servirão como alternativa para geração de renda”, comentou Lima.

Uma das alunas do curso de Administração e Empreendedorismo do NEJ, Fabiana Guedes, detalhou a respeito da ideia de empreendimento e observou como as aulas têm contribuído para o seu aprendizado. “Muitas pessoas enfrentam dificuldades em comer na rua devido a algumas restrições alimentares. Nosso foco é a criação de uma rede de fast food para esse público. É um projeto que está tomando forma porque aqui na escola recebemos um suporte significativo, um curso que nos oferece uma visão de mercado de forma estratégica”, pontuou a estudante.

Liga Jovem

Após as apresentações, todos se reuniram no auditório da unidade educacional para a divulgação do Desafio Liga Jovem. A iniciativa está em sua segunda edição e tem como principal objetivo capacitar os participantes para desenvolver soluções criativas para os desafios enfrentados por escolas e comunidades locais. Isso inclui a utilização de tecnologias analógicas e digitais, como aplicativos, sites, jogos eletrônicos, redes sociais, plataformas e outras ferramentas tecnológicas, alinhadas com as demandas e necessidades atuais. As inscrições para o desafio ficam abertas até o dia 7 de junho, no site.

A superintendente do Sebrae no Distrito Federal abriu o momento destacando a sólida parceria firmada entre a instituição e a Secretaria de Educação, salientando como essa colaboração tem sido fundamental para incentivar e capacitar jovens de escolas públicas e transformá-los em cidadãos empreendedores e protagonistas de suas próprias trajetórias.

Rose Rainha mencionou que no decorrer do ano de 2023, aproximadamente 458 mil alunos foram impactados por iniciativas de educação empreendedora desenvolvidas pelo Sebrae e expressou sua gratidão pelo apoio contínuo à missão do Sebrae. “Agradecemos a confiança depositada no Sebrae. Estamos aqui porque acreditamos no potencial de cada um de vocês. É por meio desse investimento que vislumbramos a construção de um futuro mais promissor”, afirmou.

Décio aproveitou o momento para abordar os desafios que surgem ao longo da vida e enfatizou a importância de manter a confiança em si mesmo. “Vocês estão vivendo um momento extraordinário em suas vidas, pois possuem a valiosa dádiva do tempo. Não desistam. Cerca de 60% da população brasileira aspira empreender, e esse espírito empreendedor oferece um vasto campo para construir o sucesso”, observou o dirigente.

Dando continuidade ao roteiro, o presidente do Sebrae visitou o Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, palco de grandes eventos na capital. Durante a visita, Décio foi apresentado ao propósito de revitalização do espaço, tema já em discussão entre o Sebrae no DF e as autoridades executivas locais. A proposta da instituição envolve a obtenção, sem custos, da gestão do local, com o intuito de transformá-lo em um ambiente benéfico para a população e para o empresariado.

O presidente do Sebrae Nacional se mostrou otimista com a apresentação e com o propósito do projeto de revitalização apresentado pelo Sebrae no DF. Ao final, ele expressou seu compromisso em viabilizar os meios necessários para concretizar a transformação do espaço em um ambiente que proporcione benefícios significativos para os brasilienses.

Sebrae no DF

A agenda de trabalho foi encerrada nas instalações do Sebrae no DF, no SIA. Às vésperas de completar o seu primeiro ano à frente do Sebrae, Décio ressaltou o empenho e a dedicação dos colaboradores, classificados por ele como verdadeiros agentes de transformação na vida de milhões de brasileiros. “O Sebrae é uma organização onde a tristeza não encontra espaço. Tudo na vida é paixão. E essa é a explicação do sucesso dessa instituição. Não tem como conhecer e não se apaixonar pela missão do Sebrae”, assegurou.

Na reunião com a presença de toda equipe do Sebrae no DF, o presidente Décio Lima reforçou que os funcionários são imprescindíveis para o país. “O empreendedorismo representa hoje uma alternativa real e desejada de produção de renda. Empreender é o sonho do brasileiro, por isso vocês são fundamentais neste momento que o país vive”, explicou.

Fonte: Agência Sebrae

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui