GDF irá criar serviço de acolhimento a LGBTQIA+ que foram expulsos de casa

- Publicidade -

Da redação do Conectado ao Poder

O Governo do Distrito Federal busca implementar o Serviço de Acolhimento para pessoas LGBTQIA+ expulsas de casa.

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) é a pasta responsável por essa ação, com o objetivo de oferecer suporte e acolhimento para essa parte da população.

O prazo estabelecido para o cumprimento dessa meta é até o final do ano de 2024, o que demonstra compromisso do governo em promover a inclusão e a proteção dos direitos da comunidade LGBTQIA+.

Notícias no seu celular
Clique aqui e faça parte da nossa comunidade exclusiva onde você receberá as notícias mais recentes e importantes publicadas pelo Conectado ao Poder diretamente no seu celular.

Siga o Conectado ao Poder no Instagram
Clique aqui e siga o Conectado ao Poder no Instagram e fique por dentro das novidades, análises e atualizações exclusivas!

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui