Sean Strickland culpa Paulo Borrachinha por luta morna no UFC 302

- Publicidade -


strickland-borrachinhastrickland-borrachinha

Sean Strickland (esq.) em luta contra Paulo Borrachinha (dir.). Foto: Reprodução/X

Sean Strickland culpou Paulo Borrachinha pela luta morna apresentada no UFC 302. Em coletiva de imprensa momentos depois de superar o brasileiro, o ‘bad boy’ mostrou incômodo com a performance. Ao fim de cinco rounds, o ex-campeão foi declarado vencedor na decisão dividida dos juízes.

- Continua após a publicidade -

“Desculpe, É muito difícil quando o adversário não quer lutar. Não esperava isso do Costa (Borrachinha). Ele não é assim. Ele vinha para cima, levava um golpe e talvez tenha mudado a estratégia. Talvez quisesse ser meu amigo”, disse Strickland.

Algoz do brasileiro, Strickland retornou ao caminho das vitórias. O atleta travou seu primeiro compromisso desde a perda do cinturão, no início da temporada.

Destaque no peso médio (até 83,9kg.), Borrachinha tem o que lamentar. O tropeço adiou o sonho do atleta em disputar o cinturão pela segunda vez.

O revés também manteve a instabilidade do brasileiro na categoria. Nas últimas cinco lutas, o lutador somou três reveses.





Fonte: Super Lutas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui